frente

Juca do Guaraná surpreende em pesquisa eleitoral para Assembleia Legislativa

Por Da Redação em 05/11/2021 às 12:51:55

Encomendada pela TV Cuiabá e portal ODOCUMENTO, a PercentBrasil sondou como estão as intenções de votos para deputado estadual, em Várzea Grande. Para inovar, a pesquisa aplicou duas abordagens em campo: espontânea, quando não se apresenta nomes, e estimulada, cuja lista de possíveis candidatos ao Legislativo é apontada aos entrevistados.

Nesta última modalidade, o ex-governador, Júlio Campos (DEM), obteve 13,8% de preferência, seguido de perto pelo empresário e ex-candidato a prefeito, Flávio Vargas (PSB), que cravou exatos 13%, empatado técnico com Júlio.

No pelotão de elite, quatro nomes apareceram bem. São eles: Wilson Santos com 10%, Tião da Zaeli 9%, Eduardo Botelho 7% e ainda o atual conselheiro do Tribunal de Contas, Campos Neto, que obteve surpreendentemente 6,3% das intenções de votos. Por força de lei, Neto está afastado da política há quase 12 anos, mas mesmo assim, ainda tem excelente capilaridade eleitoral na "cidade industrial".

O bloco intermediário traz nomes conhecidos do público. São eles: Fábio Tardin, presidente da Câmara de Várzea Grande com 5%, o ex-prefeito Wallace Guimarães obteve 4,5% e o presidente da Câmara de Cuiabá, Juca do Guaraná, com 3,8%. Entre os novatos, Juca é o nome que melhor pontou em Várzea Grande, sinalizando boa votação do outro lado da ponte, em 2022.


Espontânea

A PercentBrasil também aplicou a consulta espontânea, quando o entrevistado não recebe uma lista com possíveis candidatos. Neste quadro, o deputado estadual, Lúdio Cabral (PT), lidera com 4,3%, seguido por Janaina Riva (MDB) e Wilson Santos (PSDB) com 3,5% e 3,2%, respectivamente, além do atual presidente da Assembleia Legislativa, Max Russi com 2,8%, uma surpresa, pois a base de Max é mais concentrada ao Sul de Mato Grosso.



Ainda apareceram bem na espontânea os seguintes nomes: Flávio Vargas com 2,3%, Júlio Campos 2,0%, Alan Kardec 1,7% e Juca do Guaraná com 1%.

Diversos nomes tiveram menos de 1%. São eles:

Campos Neto

Eduardo Botelho

Paulo Araújo

Bino do Galpão

Ivan Santos

Valdir Barranco

Paulo Araújo

Bruno Rios

Nicinha

Juvenil da Saúde

Dilmar Dal´Bosco

Nilson Leitão

Procurador Mauro

Fábio Tardin

Wallace Guimarães

Elizeu Nascimento

Ulisses Moraes

Fonte: o Documento

Comunicar erro
banner 2

Comentários

banner 3